quarta-feira, 26 de março de 2014

2 days and counting

É o sexto ano em que vou passar o meu aniversário sem o meu pai. Creio ser o segundo ou o terceiro em que passo o aniversário sem a minha mãe - logo, sem o maravilhoso bolo de noz ou sem o bolo Mussolini. Acho lamentável. Portanto, fica aqui a nota para o próximo ano: quando fizer a viragem da década, ficarei grata que estejam por cá. Ou que estejamos todos num lugar qualquer, a celebrar. Boa? Este ano...olha!, bebam uma cervejola por mim e comam camarões-tigre para celebrar o facto de me aturarem há tanto tempo!




1 comentário:

Ocorreu um erro neste dispositivo