sábado, 21 de fevereiro de 2015

Stand up for the fight

A vida não se resolve sozinha. A vida corre!, sem que possamos fazer grande coisa em relação a isso, mas ela resolve-se na medida em que lhe pegamos nas rédeas e decidimos que rumo ela deve levar.

A vida resolve-se connosco. Que temos que fazer a nossa parte nos caminho a seguir. Que temos que ter sempre presente se queremos ir para onde a vida nos leva ou se somos nós quem decide para onde vai.

A vida - eu acredito que é Deus. Há quem acredite que seja o Universo. Vamos dizer que é a vida - mostra-nos sinais. Dá-nos pistas. Coloca-nos pessoas no caminho. Controla timings. Mas ela não se resolve sem mim.

A vida dificilmente me ergue a cabeça e me faz lutar. Dificilmente faz por mim o meu trabalho. Dificilmente dá o meu tempo e o melhor de mim aos outros. A vida não me impede de baixar os braços e não se comove com o meu estado de espírito. Isso é a minha parte. A vida da-mr as armas com que lutar. Mas a luta é minha. É de cada um. A vida ajuda, no limite. Mas não. A minha vida não se resolve , nem eu queria que se resolvesse, sozinha. A vida é minha. E eu tenho muito a dizer sobre como quero que ela aconteça.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo