segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Resoluções para 2016

São poucas, que eu sou pouco de fazer resoluções somente anualmente. Mas estas têm vindo a ser feitas ao longo dos últimos meses, e conto não as abandonar nos doze meses que se seguem. Sobretudo porque só dependem de mim:

1. Deixar ir quem não quer ficar na minha vida e não sofrer com isso. Aprender que há pessoas que, simplesmente, não nos querem. E que isso não tem que nos fazer mal: se nos não querem, por alguma razão será.

2. Encarar tudo com mais serenidade: não me irritar com as coisas menos boas e com as coisas mínimas.

3. Respirar fundo mais vezes e não responder à bruta às pessoas - nem toda a gente me conhece o suficiente para perceber que não tenho pachorra para algumas coisas. E tentar respeitar mais as opiniões alheias, mesmo aquelas com que discordo a 200%.

4. Tentar ser mais paciente com as pessoas, no geral. E comigo, em particular. Calar mais vezes. Falar menos antes de pensar.

5. Agradecer mais do que desejar.

6. Dedicar mais tempo a mim e a nós. Não correr para todo o lado - quando tantas vezes nem sequer compensa ou é valorizado. Dar importância somente ao que é importante.

7. Poupar mais dinheiro. [ganhar mais dinheiro também seria bom, mas isso não passa por mim. Ah!]

8. Ser mais ponderada a tomar decisões.


Vai ser um exercício e tanto, mas acredito que valerá tanto a pena!

Feliz 2016, everyone! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo