segunda-feira, 14 de março de 2016

5 coisas muito divertidas da gravidez #3

1. As pessoas olharem para a barriga, apontarem, e dizerem: “é um menino, não é? Vê-se logo!” Eu sorrio, suspiro e digo: não, é uma menina. “Ai, mas tem a certeza?” Well…eu não, que não se ver ecografias. Mas se calhar vou simplesmente desistir e esperar que a miúda nasça. Aí terei a certeza.

2. Insistir-se na ideia de que eu só como muito porque estou grávida: pessoas queridas, eu já comia muito antes disto. Na verdade, desconfio até de que comia mais. Eu não como por duas. Como por mim, mesmo, e alguém me anda a roubar nutrientes. É isto.

3.  A educação não está assim tão generalizada. Têm noção de quantas pessoas não se levantam quando eu entro num transporte público apinhado, em que não há lugares livres? São para aí 5 para cada 1 que se digna a dar-me o lugar.

4. Falar-se das dores do parto. E das dores da amamentação. E da falta de sono quando a criança nascer. E de cocós. E de coisas afins. I mean: really? Acham mesmo que nós queremos saber? Não queremos. Agradecemos, até, que se remetam ao silêncio sobre esses assuntos. Quando for hora, preocupar-nos-emos com eles. Contar as vossas experiências [a menos que sejam os nossos melhores amigos e nós vo-lo pedirmos] não ajuda. A sério.

5. Ouvir o ar de espanto, quase de lamento, das pessoas quando dizem: “Ah, não parece nada que estás grávida!” Peço desculpa se ainda não sou uma orca. Talvez seja lá mais para a frente. Mas não se entusiasmem muito que não é muito elegante. Grata.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo