sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Podiam ser os nossos filhos.

© 2016 Reuters. All rights reserved
Para todos os que apregoam que o Natal é das crianças. Para todos os que acham que Natal é dar. Para todos os que reconhecem o verdadeiro sentido do Natal - nascer. Para todos os que não são indiferentes. Por favor, por favor, não deixem de ajudar estas crianças, estas pessoas. Natal é dar aos outros a possibilidade de nascer. É dar. É dar-mo-nos. Por enquanto, há pouco mais que possamos fazer. Mas se cada um de nós comprar menos um presente e usar esse dinheiro para ajudar estas crianças, estas pessoas, estaremos a deixar o mundo um pouco melhor. Por favor. Estas crianças podiam ser os nossos filhos...

Estão aqui três organizações que fazem trabalho de apoio na Síria. Escolham uma e doem. Qualquer euro é bem-vindo!

Médicos sem fronteiras
Presumo que esta dispense apresentações. Estão a dar o seu melhor numa altura em que praticamente já não há médicos Sírios em Alepo e em que o material médico está em falta.
Preemptive Love Coalition 
Esta ONG ajuda a prover as mais básicas necessidades às pessoas desalojadas: cuidados médicos, abrigo, água e comida.Para além disso ajuda-os a recomeçar a vida, apoiando a procura de emprego e a reintegração das crianças em colégios. Já ajudam mais de 20 mil pessoas.
Syria Relief  
Esta foi a organização que escolhemos para ajudar: porque para além do abrigo, da comida e da educação, ela dá também apoio psicológico a estas pessoas, profundamente traumatizadas por acontecimentos que não conseguimos sequer imaginar o que são.
Ocorreu um erro neste dispositivo